domingo, 2 de dezembro de 2012

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

Demolidor é um dos heróis com algumas raízes na Era de Ouro dos Quadrinhos. Sua mitologia na Marvel foi crescendo aos poucos, tornando-se uma das estrelas da editora. O Nº 13 da Coleção de Miniaturas Marvel traz o personagem em sua vestimenta de couro vermelha que lembra um demônio. Em inglês seu nome é "Daredevil" (isso explica os dois "Ds" em seu peito), que em uma tradução mais livre significa "audacioso"/"demônio desafiador". O Demolidor é na verdade Matthew (Matt) Murdock. Matt nasceu pobre e era filho de um homem honesto chamado Jack "Batalhador" Murdock. Jack era pugilista quando Matt ainda era uma criança, e tentava dar um futuro melhor para o filho. O garoto Matt possuia um coração bondoso, corajoso e sincero e logo na infância sofreria um acidente que mudaria sua vida para sempre. Na tentativa de salvar um idoso Matt é atropelado por um caminhão e um material radioativo é derramado em seus olhos deixando-o cego. O material radioativo super-aguçou os demais sentidos de Matt, além disso ele ganhou um sentido similiar à um radar (como o dos morcegos) que lhe permite perceber mentalmente o mundo ao seu redor. Tudo continuaria a mudar para Matt quando um ancião também cego, mestre em artes marciais, percebe o potencfial do jovem, passando a treina-lo. Nasceria assim um grande Super-Herói que, embora não possua um poder gigantesco, provaria ser um daqueles com o coração mais valoroso. Talvez por isso o Demolidor tenha sido levado várias vezes aos limites entre o bem e o mal em sua vida. Matt ainda se formaria em direito, advogando ao lado de seu sócio Franklin "Foggy" Nelson.

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

O Demolidor foi uma criação de Stan Lee e Bill Everett nos anos 60. Porém o nome Demolidor (Daredevil) havia sido usado por outro herói criado em plena Era de Ouro dos Quadrinhos nos anos 40. Fruto do trabalho de 08 jovens cartunistas no inverno de 1941, Charlie Biro, Bob Wood, Dick Wood, Dave Wood, Jerry Robinson, Bernie Klein, Mort Meskin e George Roussos, o antigo Demolidor trajava azul e vermelho e usava um Bumerangue.

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

A mitologia do Demolidor é repleta de histórias de superação. Seu pai foi covardemente assassinado em função de seus ideais inabaláveis em meio à sujeira do mundo do pugilismo. Poucos sabem, mas a história do pai do Demolidor (Jack "Batalhador" Murdock) foi inspirada em um pugilista real chamado James J. Braddock, que conseguiu sustentar sua família em plena depressão de 1929 lutando nos ringues apesar de seu tempo como pugilista já ter passado. Em uma luta épica Braddock vence o maior expoente da época no box americano chamado Max Baer (04 anos mais novo). A bela história de James Braddock é contada em um filme de 2005 chamado "Cinderella Man" (título original). Aqui no Brasil foi intitulado "A Luta pela Esperança", com Russell Crowe no papel de Braddock.

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

No início dos anos 80, após anos amargando um certo ostracismo, o Demolidor seria reviatlizado nas mãos de um roteirista chamado Frank Miller (criador da seminal HQ "Batman: O Cavaleiro das Trevas" de 1986). Miller faria o Demolidor colidir com a realidade nua e crua das ruas em histórias envolvendo prostitutas, assassinos, agiotas, drogas e miséria. O ponto alto, no entanto, que faria o personagem alçar vôo seria o arco de histórias intitulado "A Queda de Murdock", também de Miller. Nele, Matt tem sua identidade secreta vendida ao seu maior inimigo, "O Rei do Crime" (Will Fisk), por uma antiga e agora drogada namorada (Karen Page). Will Fisk simplesmente destroça a vida de Matt Murdock. A HQ de vários capítulos é uma espiral descendente de derrocadas na qual podemos observar um homem sendo levado ao seu limite, tendo sua alma quebrada em pedaços, o que fez e faz todo mundo se perguntar: "O quanto um homem pode suportar antes de ser quebrado em seu interior?". Com essa história Matt Murdock passaria a fazer jus, verdadeiramente, à alcunha pela qual ele já era conhecido: "O Homem Sem Medo".

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

O Demolidor com tudo isso passou a ganhar histórias com frequência consistentes, sempre envolvendo problemas da vida cotidiana das grandes cidades. Problemas que todos nós conhecemos bem: violência, corrupção, drogas e vidas despedaçadas. Isso tudo fez com que uma legião de fãs cada vez maior passasse a admirar o herói. Sua miniatura, como pode ser observada nas fotos, traz o personagem como realmente é, um homem com um físico normal, que vive suas aventuras, à semalhança do Homem-Aranha, no bairro (real aliás) em que vive em Nova York, "A Cozinha do Inferno".

Miniatura Marvel Nº 13 - Demolidor

O Demolidor é prova de que quando se insere um personagem em questões que envolvem "quem" nós realmente somos o sucesso é certo, pois passam a catalizar nossas próprias angústias e problemas. Abc. à todos!!

14 comentários:

  1. "O quanto um homem pode suportar antes de ser quebrado em seu interior?"


    Grande Marcelo!!!!

    Mais uma postagem que atingiu meu coração porque tenho um companheiro que perdeu boa parte da visão e isso aguçou muito mais seus outros sentidos. Vejo isso na prática do dia a dia, pois ele é uma pessoa quase totalmente independente, só não consegue ler.

    Adorei essa matéria que me contou muito sobre esse personagem que nunca dei muita bola porque simplesmente não sabia nada sobre seu perfil e histórico e achava o nome um tanto quanto pejorativo. Quanto preconceito o meu!

    Você sabe me dizer se atualmente estão publicando HQs boas sobre ele? Se souber, pode me dizer em quais revistas encontro? Sou novo nessa exploração do lazer de HQs de super-heróis, tem muita coisa que não faço a menor ideia de onde esteja e estou conhecendo aos poucos, vendo aqui e ali, ou experimentando comprar edições que me atraem.

    Meu caro, é muita satisfação vir aqui e ler algo tão bacana, colocado de maneira que só tem a acrescentar e valorizar sem aumentos, exagero, de forma crível o assunto em pauta. Todos os que visito tem coisas interessantes a me passar, e o seu estilo de transmitir o que deseja é muito, muito bom também.

    Espero que tenha vida longa este espaço, tal qual desejo a todos os outros que visito também. Todos eles são importantes pra mim.

    Abraços. Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabiano! Beleza!?

      Quando temos alguém próximo que nos proporciona essa convivência é um privilégio, como é o caso do seu amigo com deficiência visual!

      Olha... o Demolidor é bem interessante sim. Pense num Homem-Aranha (típico herói urbano com poucos ou quase nenhum poder), porém sem as "piadinhas infâmes" tão comuns do Aranha... Pois é. Esse seria o Demolidor. Muito legal.

      Quanto às publicações mensais do Demolidor eu diria pra vc que saiu pela PANINI aqui no Brasil uma arco de histórias que foi elogiado lá fora e que terminou recentemente por aqui: Terra das Sombras. Porém aqui no Brasil ele saiu cheio de cortes já que ele saía em uma revista que o Demolidor dividia com outros personagens (Universo Marvel), sendo assim a história ficou bem picada. Pelo que andei sabendo está para começar uma nova fase bem interessante por aqui. Vamos ver!! Acredito que se mantenha nessa revista (Universo Marvel), vamos ficar atento. Segundo o Léo (Submundo-HQ) é possível até que ele ganhe revista própria ano que vem! Seria muito bom!

      Valeu mesmo pelo comentário Fabiano. Como já escreví antes, falar dessas coisas me fazem muito bem porque vem de dentro. Além disso, de quebra, tenho amigos como todos vocês com quem posso dividir tudo isso. O privilégio é todo meu!!

      Espero ainda receber muitas e muitas visitas suas.

      Abção!!

      Marcelo.

      Excluir
    2. Ah! Ficou legal seu novo AVATAR!!

      Abcs. Marcelo.

      Excluir
    3. Obrigado! Pode contar comigo.

      Abração, Marcelo! Tudo de bom!

      Fabiano Caldeira.

      Excluir
  2. Não sabia que o pai do "demônio" tinha sua história inspirada em James Braddock. Vi o filme com Russell Crowe mas não atentei a isso. Para mim, era apenas mais um clichê etc.

    Fala-se muito em A Queda de Murdock. Uma grande história, claro; assim como O Homem Sem Medo (tb de Miller). Mas, para mim, a grande história do Demolidor é Guerra e Paz, publicada na saudosa série Graphic Novel da Abril! Foi escrita por Frank Miller e desenhada por Bill Sienkiwicz (a mesma dupla de Elektra Assassina).

    Boas informações. Ótimas imagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Kleiton! Valeu pela dica! Essa "Guerra e Paz" eu não conheço. Aliás... Peraí!! Conheço sim! Já tive essa Graphic Novel sim! O desenho do Bill Sienkiwicz (eta nome difícil de escrever!! rsrs) me chamou muito atenção.

      Olha só... Eu tinha essa Graphic Novel, porém muitas vezes eu guardo algumas revistas para ler com calma depois.Meu avô jogou fora essa dentre várias outras revistas que eu deixei na casa dele quando deixei de morar com meus avós. Essa literalmente escapou pelos meus dedos!

      Essa série "Graphic Novel" da Abril marcou época e deixou saudades!!

      Abção!

      Marcelo.

      Excluir
  3. De todas as miniaturas q saíram até agora... essa do DD é a + simples (por ter basicamente uma única cor no uniforme, q tbm é apenas um colante vermelho sem mtos acessórios)!!!

    mas mesmo assim, é uma figura obrigatória na coleção... pela importância do personagem (um dos meus favoritos da marvel)!!!

    no começo de 2013... vai estrear uma nova e elogiada fase dele aqui no Brasil, e "há rumores" q ele possa ganhar até uma nova revista (ou ter essa fase nova publicada em encadernados). Em breve saberemos maiores detalhes, mas vale a pena ficar de olho no q está por vir!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Léo!

      Também achei simples a miniatura do Demolidor, no entanto não deixa de ser interessante! O Demolidor é um personagem que foi conquistando todos, gosto muito dele também.

      Torço para a Panini voltar a dar um tratamento mais diferenciado para ele aqui no Brasil. Por exemplo... Se fosse por mim eu cancelava a revista do Deadpool e a passava toda para o Demolidor, um personagem que tem muito mais a nos dizer do que esse aí que eu acabei de mencionar. Pra mim até parece que a Marvel tenta de qualquer jeito transformar o Deadpool num fenômeno assim como foi o Wolverine nos anos 80/90.

      Ficarei de olho no "Submundo". Aliás que venha o Demolidor Noir, não é!?!?

      Abcs!

      Marcelo.

      Excluir
  4. Marcelo querido!
    Parabéns pela postagem!
    Escreves de uma forma leve, gostosa de ler...
    comecei até a gostar do personagem.
    Abraços! Dias felizes e abençoados pra ti e a Lícia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado!! Valeu pelo comentário!!

      O Demolidor é um personagem denso e que tem muito a nos dizer. Para mim é como um Homem-Aranha (só que sem aquelas piadinhas infâmes dele), pois tem fragilidades e dificuldades como qualquer ser-humano normal.

      Valeu!

      Marcelo.

      Excluir
  5. Oi Marcelo, o Demolidor sempre me chamou a atenção. Ficava pensando em como ele conseguia fazer tudo aquilo sem enxergar. Hoje é um dos personagens que admiro, e como vc mencionou bem "A mitologia do Demolidor é repleta de histórias de superação." Tenho algumas hqs em que o Demolidor aparece e sempre bem. A matéria está ótima como sempre... Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paulo! Tudo bem?

      Realmente é um personagem bem legal. Como disse acima torço para que a PANINI dê um tratamento melhor para ele por aqui, publicando suas histórias na íntegra e não cheia de buracos em função dele dividir a revista com outros personagens.

      Para mim ele até deveria ganhar revista solo.

      Gde. Abc.

      Marcelo.

      Excluir
  6. "Aliás que venha o Demolidor Noir, não é!?!?"


    virá sim, Marcelo...

    e logo no começo do ano q vem (junto com "Justiceiro Noir" tbm) - segundo uma fonte, é coisa pro 1º trimestre mesmo!!!

    qto à uma possível nova revista do DD.... isso foi insinuado por um dos editores durante a palestra da última Fest Comix. Ele deu a entender q a nova fase do demolidor (de Mark Waid) sairia à parte da revista "Universo Marvel"!!!

    e o Deadpool... sempre dividiu opiniões mesmo, mas a popularidade dele aumentou bastante depois dele ter sido o vilão principal no filme do "Wolverine". Interpretado pelo Ryan Reynolds, o deadpool ganhou força (mesmo q o filme do wolverine fosse uma droga) a ponto de ganhar 3 revistas regulares nos EUA!!!

    seja como for... aqui no brasil, deadpool vai ser cancelado este mês!!!

    Abs!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esto ansioso pelo Demolidor Noir. Tenho gostado bastante dessa série.

      Quanto ao Mark Waid gosto muito dele. Ví uma entrevista com alguns roteiristas de desenhistas da DC em um "Extra" de um desenho da DC (A Nova Fronteira creio eu) no qual Mark Waid falava um pouco. Ele manda muito bem. É humilde e super capaz, haja visto seus trabalhos em "Reino do Amanhã" da DC e na recente "Capitão América: Um Homem fora de seu tempo" (até postei uma matéria aqui no blog sobre essa HQ).

      O Deadpool eu não sei cara. Até que vendo-o junto com o Wolverine e outros personagens no X-Factor dá pra encarar, mas em aventuras solo me parece um escracho só. Não gosto na verdade, mas é como vc falou... Ele é o tipo de personagem que vc ama ou odeia.

      Pra mim o cancelamento da revista dele é uma boa notícia, pois abre espaço para publicação de outras coisas.

      Abção Léo!!

      Marcelo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados