domingo, 30 de novembro de 2014

O Fim da Infância



Nos depararmos com nossa solidão no cosmo e com as razões que determinam nossa existência como espécie se constituem nos pensamentos mais aterradores com os quais podemos nos deparar. Qual o significado de nossa espécie? Por que conseguimos perscrutar a imensidão do cosmo e ao mesmo tempo somos tão limitados em nossa fragilidade. Temos asas mas não conseguimos voar. Ao mesmo tempo arranhamos a superfície de mistérios sobrenaturais que nos fascinam, mas que também não se abrem para nós. É como se nossa espécie tivesse uma tendência à metafísica, porém incapaz de chegar ao seu verdadeiro significado. Pois em O FIM DA INFÂNCIA, Arthur C. Clarke traz uma história que aborda esses mistérios existenciais e que, nas palavras do Jornal Los Angeles Times, se constitui em... "Uma História terrivelmente lógica, crível e assustadoramente profética...". Um grande clássico da ficção científica que a Editora Aleph lançou já há algum tempo e que merece ser lido, comentado e refletido no íntimo de nossas almas.

 

 A metáfora a que o nome do livro faz menção traça um paralelo incrivelmente correto. O fim de nossa infância como indivíduos é marcada por dois grandes sentimentos: o LUTO pela perda de nossa inocência, pela perda de nossa ignorância a respeito do nosso papel no mundo; o segundo sentimento é o de excitação frente ao desconhecido que nos aguarda. Em O Fim da Infância a humanidade é lançada em um redemoinho de sensações ao se deparar com a chegada de enormes naves em diversas cidades ao redor da Terra. O terror e a fascinação tomam conta dos homens ao perceberem pela primeira vez que nossa civilização talvez não ocupe o local de destaque como sempre pensamos.


Diferentemente de outras histórias de ficção envolvendo invasões alienígenas, O Fim da Infância é diferente de todas elas ao não cair no senso comum de raças extraterrestres imperialistas e movimentos humanos contrários de resistência. Em O Fim da Infância, Arthur C. Clarke é mais inteligente ao manter a raça que nos visita em um completo mistério em até boa parte do livro e, mesmo quando revelada, seus verdadeiros objetivos parecem escapar do nosso entendimento. Clarke parte da ideia de que o avanço tecnológico dos aliens é tão vasto que não há sentido na conquista ou mesmo na utilização de nossas parcas conquistas. Qual seria então seu interesse?


A ficção de Arthur C. Clarke é elegante e se diferencia ao ousar tocar em mistérios profundos da existência humana. O autor não fica apenas no campo da ciência, mas avança sua narrativa para situações que nos forçam a pensar em questões filosóficas profundas e insondáveis. À semelhança de sua obra mais conhecida 2001 - Uma Odisseia no Espaço, O Fim da Infância possui um caráter profético sim, ao propor uma razão muito plausível para o "PORQUE" de nossa existência nesse universo tão vasto e complexo. Uma razão incrível, maravilhosa, triste, melancólica e ao mesmo tempo fantástica!!


O Fim da Infância é um livro para se ler e se debater com amigos. A possibilidade do autor estar correto em suas suposições é aterradoramente crível. Uma história para se ler e se refletir no silencio de nossas almas (caso tenhamos coragem para isso!!).

12 comentários:

  1. Olá, Marcelo!

    Tanta coisa para refletirmos em tão poucas páginas, não é verdade?

    A história é muito boa. Uma verdadeira viagem.
    Como seria nos depararmos com naves gigantescas sobrevoando as cidades mais importantes do Globo? Como seria viver sob o comando de criaturas de inteligência superior e de aparência desconhecida?
    Eles só querem o nosso bem? Eles trabalham para isso? De boas intenções o inferno está cheio? Eita doideira. Rsrs

    Parabéns pelo texto, Marcelão!
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Moisa!!

      Blz! Foi muito legal ler esse livro ao mesmo tempo que você. Nossas conversas foram bem legais. Tenho certeza que se a discussão continuar continuaríamos a encontrar muitas coisas escondidas nas entrelinhas do livro.

      Valeu mesmo!!

      Grande Abraço!

      Marcelo.

      Excluir
  2. Olá Marcelo, tudo bem?
    Se me permite mudar totalmente de assunto, fui ontem ao Comic Con Experience, e foi tudo de bom. Tudo muito bem organizado com bastante espaço para todos. De cara fui garantir minha estatueta do Iron Man da Iron Studios (R$ 160,00), exclusiva da Comic Con. Os painéis foram bem legais também com pessoal como Ivan Reis, Scott Snider e Rafael Albuquerque. Como passa rápido um painel de uma hora quando o papo é interessante. No painel da Paramount, trailer do novo filme do Exterminador do Futuro, que promete muito (está mais para o do James Cameron, que é o meu favorito, do que para os seguintes). O estande da Panini estava com 25% off em todos os produtos, que eram muitos. Me arrependi de não ter levado uma lista de itens para comprar. A Planeta D'Agostini dividia estande com a Altaya (são a mesma empresa?) e apresentavam Xadrez Marvel, aparentemente de plástico, inferior à coleção da Eaglemoss e uma coleção de capacetes (cabeças) de personagens Star Wars. Também estavam expostas peças de coleções antigas de personagens e naves Star Wars, será que eles planejam um relançamento? O estande da Eaglemoss decepcionou pela falta de novidades, estavam mais preocupados em vender peças, e perderam a oportunidade de divulgar a coleção de Graphic Novels da DC, por exemplo que é a coleção mais aguardada por todos no momento (IMPO). Outra coisa que me agradou muito foi o público que encontrei por lá, uma verdadeira legião de fãs como deve ser, e não um bando de pirralhos barulhentos. Havia pessoal do Brasil todo e acho que todos ficaram muito satisfeitos.
    Com certeza estarei por lá no ano que vem.
    Abs., Carlos - São Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Carlos!! Blz, amigo!?!?

      Que legal esse seu relato. Agradeço sua gentileza de postar um comentário como esse aqui. Sobretudo porque amanhã será minha vez de ir e estou com muitas expectativas!!

      O Iron Studios será um dos primeiros Stands que eu pretendo ir!! Sobre os painéis eu já tive experiência semelhante também. A hora voa que a gente nem vê!!

      Ontem que eu fiquei sabendo que o novo Trailer do Exterminador do Futuro iria ser lançado com exclusividade nessa Comic Con. Excelente notícia essa que você trouxe sobre o trailer. Vou passar lá amanhã também para conferir!!

      Vou ver se há alguma coisa interessante lá na Panini. 25% é um desconto bom.

      PUTZ!!!! Então quer dizer que o Xadrez MARVEL vai realmente sair por aqui!! Caraca!! Preparemos nossos bolsos!!! Há peças nessa coleção que são superiores às da Coleção da Eaglemoss.Só que eu tenho minhas dúvidas se o material com o que as peças são feitas é realmente plástico! Será?

      Sobre as peças da Coleção da Star Wars eu acho que em muitos lugares do Brasil a coleção de Xadrez Star Wars não foi até o fim. Por isso acho que eles continuam expondo as peças.

      Puxa... Estava esperando novidades no Stand da Eaglemoss. Achava que eles iriam lançar algumas Especial ou então trazer essa coleção de Graphic Novels da DC!! Que chato!!

      Espero que o tipo de público se repita amanhã. Sou como vc, fico decepcionado quando encontro aquele monte de pirralhos barulhentos!! rs rs

      Valeu mesmo Carlos.

      Vou mais informado amanhã à feira!!

      Grande Abraço!!

      Marcelo.

      Excluir
  3. Marcelo,

    "Clarke parte da ideia de que o avanço tecnológico dos aliens é tão vasto que não há sentido na conquista ou mesmo na utilização de nossas parcas conquistas."

    Já tive pensamentos similares a este!

    Este romance está nos planos há algum tempo. Mas, antes de comprá-lo, preciso ler o que já tenho e também está na fila.

    Ótima postagem. E sem entregar os pontos "enigmáticos" da prosa, claro.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal Kleiton...

      Arthur C. Clarke partiu de uma premissa já pensada antes (invasão alienígena), porém com várias abordagens diferentes e acho que até mais plausíveis.

      Um dia se conseguir ler O Fim da Infância avise. Eu e o Moisa temos feito um Clube de Leitura para debater alguns livros e seria muito legal ouvir sua opinião sobre esse livro, sobretudo sobre o final.

      Valeu!!

      Marcelo.

      Excluir
  4. Olá Marcelo, tudo bem?
    Estava aguardando um post seu da Comic Com; já tá no forno?
    Chegaram hoje as edições corretas da coleção Marvel/Salvat. Demorou um pouco mais que 30 dias. Já pediu as suas?
    Abs., Carlos - São Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carlos...

      Como vai? Cara... Esse fim de ano tem sido uma grande correria que vc nem imagina. Acabei que não consegui escrever sobre a Comi Con, mas estou planejando escrever sim. Mesmo que tardiamente. rs rs rs

      Puxa!! Fiquei contente com sua informação de que os exemplares chegaram. Fiquei animado em escrever para eles agora. Acho que vou pedir a troca!!

      Valeu mesmo Carlos. Obrigado pela constante presença aqui no Blog!!

      Grande Abraço!!

      Marcelo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados