domingo, 5 de junho de 2016

Miniatura DC Série Especial Nº 07 - Grodd

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Grodd é o personagem da DC que combina características dignas de um pesadelo Lovecraftiano. Bestialidade, inteligência superior, força bruta, sede de sangue e um ódio mortal pelos seres humanos fazem com que ele habite qualquer galeria de vilões nível Max! Criado dentro das aventuras do Flash (Barry Alen), Grodd tem uma história de fúria, morte e desprezo por qualquer coisa que não seja ele próprio. Um vilão que evoca em qualquer leitor um terror primitivo de quando possivelmente estávamos à mercê, como espécie, de animais como ele. Um terror entranhado e enterrado em nosso DNA primitivo. Conheçamos um pouco de sua aterradora figura dentro da Coleção de Miniaturas DC e um pouco de seu violento passado e origem.

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

A peça de Grodd chegou ao Brasil já em resina, logo após o caos da mudança de material das Especiais da DC. Apesar da resina, a peça possui corpo, pintura e robustez à inspeção à distância. Um exame mais detalhado com as próprias mãos revela, no entanto seu peso incompatível com o tamanho, tendo em vista a leveza da resina. Com o tempo fui superando essa questão do material, e hoje consigo observa-la de longe com prazer. Para muitos, porém essa mudança deixou marcas profundas e incompatíveis com o prosseguimento da coleção. Grodd aparece aqui com uma indumentária que lembra a de um Rei, ou então uma vestimenta cerimonial com um certo "ar" de realeza. O colar, braceletes e cinturão (como aquele usado pelos campeões de luta) é um dos pontos altos, já que aparecem em uma coloração que lembram a de um metal precioso (Ouro ou Cobre).

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Outro ponto de destaque em minha opinião é a definição do pelo de Grodd. Fica bem claro a intenção do escultor em conceber um revestimento que nos lembre o de um Grande Símio. Seus pés estão também modelados de forma a aproxima-lo o melhor possível aos membros inferiores dos Gorilas. O responsável pela escultura teve o bom senso de retirar os pelos da superfície anterior do personagem, mimetizando assim a paquidérmica couraça de pele que reveste a região anterior do tórax e abdômen dos grandes primatas. A composição corporal é "massuda", e talvez esta seja a grande desilusão dos fãs, ou seja, ter na estante um personagem tão robusto mas, ao pega-lo, sentimos um anticlímax, advindo da leveza da resina.

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Acho que o detalhe do crânio em sua mão foi algo interessante. Primeiro para que tenhamos uma ideia correta de proporção entre seu tamanho e o de um ser humano normal e, em segundo lugar, para conferir-lhe um atmosfera de monstro sanguinário ao melhor estilo tribal. Um ponto fraco talvez seja a modelagem da face de Grodd. Conseguimos perceber uma certa dificuldade em se chegar à um rosto bem definido por parte do criador da peça. As grotescas feições naturais de um Gorila não estão bem definidas, e uma inspeção rápida pode dar a falsa impressão do personagem ser até relativamente amigável. Apenas os fãs podem associar de forma mais rápida sua figura aqui retratada com seu gênio maligno e índole brutal. 

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Grodd nem sempre foi assim. Na verdade ele foi um Gorila como qualquer outro, vivendo na selva africana. O grupo do qual Grodd fazia parte encontrou uma espaçonave fumegante que havia acabado de cair em solo africano. Curiosos, o gorilas aproximaram-se da nave e foram colhidos por um raio que subitamente alterou as funções cognitivas de todo o bando, elevando a inteligência de todos e conferindo-lhes, inclusive, certos poderes mentais (telepáticos e telecinéticos). Especialmente dois Gorilas foram afetados mais do que os outros, Grodd e seu reverenciado e sábio líder, Solovar. Em poucos anos o grupo desenvolveu-se rapidamente como sociedade organizada e alcançaram níveis tecnológicos superiores aos do resto da humanidade. Construindo uma cidade desenvolvida no coração da selva, os símios passaram a adorar o pequeno e estranho alienígena sobrevivente da queda.

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Sabe-se pouco a respeito deste alienígena, exceto que ele não queria ficar ali sendo venerado. Com seus poderes telepáticos ele atraiu para a cidade um grupo de exploradores humanos que foram bem recebidos por Solovar, o regente da grande cidade símia. Porém, o que os humanos não sabiam é que estavam sendo telepaticamente guiados e influenciados a saírem da cidadela levando o alienígena. Grodd, no entanto obrigou os humanos a assassinarem o alienígena bem na frente de todos os gorilas, forçando Solovar a decretar a morte dos humanos. Pelos planos de Grodd isso seria o estopim para a deposição de Solovar e sua própria ascensão, o que não aconteceu em um primeiro momento. Mas não tardou que Grodd depusesse Solovar e o prendesse. Usando seu poderes mentais, há alguns anos Solovar vinha monitorando o mundo exterior e seus super-humanos. Desta forma, com sua telepatia, Solovar enviou um pedido de socorro ao mundo dos homens que foi recebido e prontamente respondido por ninguém menos que o Flash (Barry Allen).

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Neste 1º embate entre Grodd e Flash em plena cidadela símia, Flash consegue prender e desorientar Grodd em um vórtice de vento, trancafiando-o assim em uma cela. Solovar e Barry tornariam-se bons amigos, mas o futuro seria negro. Grodd enfim conseguiria assassinar Solovar e investir com todo seu poderio contra a raça humana. Todos os confrontos entre Flash e Grodd se deram a partir destes eventos inciais da vida senciente de Grodd. Em sua trajetória de maldade o grande Gorila enfrentou diversos outros heróis do mundo DC, tendo se aliado, inclusive à outros vilões ou grupo de vilões. Isso fez dele um personagem relativamente conhecido do grande público, sobretudo em função de sua participação junto à Legião do Mal que aparecia nos desenhos dos Superamigos dos anos 70/80. Grodd também fez aparições no desenho dos anos 2000, Liga da Justiça Sem Limites, infelizmente inédito em DVD no Brasil em todas as suas temporadas.

Miniatura DC Especial Nº 07 - Grodd

Este é Grodd. Um líder símio inteligente, grotesco e suas ações e intenções. Um personagem que num primeiro momento pode parecer um tanto quanto inverosímel, sobretudo para o público leigo em relação aos quadrinhos. Mas apesar disso seu potencial é imenso como ameaça. Em tempos em que uma Árvore Senciente (Groot) foi bem aceita nos filmes da Marvel, não vejo problema algum de inserir Grodd em um grande filme. É isso aí amigos. Grande abraço à todos!!!

6 comentários:

  1. Olá Marcelo,

    Eu conheci este personagem no seriado do Flash, mas em outra perspectiva, acabei comprando a Miniatura mesmo sendo em resina, ela e o Super centenial, comprei de segunda mão por R$ 50,00 cada. Enfim a miniatura é perfeita gostei demais, se fosse em metal eu te diria que é a melhor de todas as peças, mas a resina não impõe o devido respeito que uma peça tão robusta como esta merece, e agora que tenho três de resina posso falar com propriedade. Suas matérias como sempre são sensacionais, sempre fico no aguardo de novas miniaturas, pois a maneira como você aborda os aspectos físicos e históricos das peças me faz ter todo um novo olhar de admiração e prazer para cada uma delas. Abraços e parabéns mais uma vez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí, Wellington!!

      Valeu pelo comentário e visita. Saudade dos seus comentários!!

      Vc faz uma avaliação correta. A peça nos passa sensação de robustez e força, mas quando a pegamos ficamos com uma sensação de anti-clímax. Tirando isso, no entanto ela é muito bonita. E isso mesmo em resina!!

      Puxa Wellington!! Muito me honra sua forma de enxergar o blog e as postagens. Essa é exatamente a perspectiva que dou às matérias, um texto que valorize a peça e transcenda o valor monetário de cada uma, localizando-a dentro de um universo maravilhoso de fantasia, que aliás é o universo do qual todas esses personagens saíram.

      O bom é saber que existe gente que interpreta as matérias da maneira exata que quero transmitir, como é o seu caso.

      Parabéns pela sensibilidade e olhar diferenciado.

      Valeu mesmo amigo!

      Apareça sempre e sinta-se em casa.

      Abc.

      Marcelo

      Excluir
    2. Pois é Marcelo é a mais pura verdade,

      Sempre apareço aqui no seu blog ansioso por novas peças, leio as demais postagens, mas me sinto a vontade para comentar sobre as miniaturas, pois as outras não tenho conhecimento para tal.

      E saiba que os elogios são verdadeiros.

      Abraços.

      Excluir
    3. Valeu mesmo amigo!!

      Venha sempre para trocarmos "figurinhas" e fortalecermos a amizade!!

      Gde. Abc.

      Marcelo

      Excluir
  2. "Em tempos em que uma Árvore Senciente (Groot) foi bem aceita nos filmes da Marvel, não vejo problema algum de inserir Grodd em um grande filme."

    Achei perfeita esta tua colocação, Marcelo! Deve ser porque sou leigo...rsrs... Um super abraço! Tudo de bom!

    Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Fabiano!!

      Muito feliz em encontra-lo por aqui!

      Amigo de longa data!!

      Agradeço o comentário e visita. Sua opinião é sim muito interessante e sempre pertinente!

      Acho que hoje muitos personagens que no passado eram inverossímeis, hoje tem total circulação nos filmes e os expectadores acham super normal. Acho isso uma conquista.

      Valeu mesmo!

      Gde. Abc.

      Marcelo

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados