terça-feira, 18 de março de 2014

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

O Nº 34 da Coleção de Miniaturas Marvel traz o nazista Caveira Vermelha. Um personagem que conseguiu a façanha de se manter conhecido ao longo do tempo e chegar aos dias de hoje como sendo um vilão ainda relevante dentro do Universo Marvel. Herdeiro direto da ideologia nazista Johann Schmidt encarna todo o mal do Terceiro Reich, tornando-se um dos personagens mais simbólicos dentro da mitologia do Capitão América. Nessa matéria veremos alguns detalhes desta peça, bem como alguns importantes detalhes de sua vida.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

A miniatura ficou bem satisfatória para mim. Mostra o vilão em uma pose ensandecida portando duas armas, sugerindo um clímax de ódio, raiva e loucura. Um momento no qual o personagem seria capaz de tudo. Os trajes do vilão também me agradaram porque tentam reproduzir a encapotada roupa da Polícia de Hitler, a SS. Isso situa essa versão do Caveira Vermelha nos anos 40, época em que ele surgiu como um capanga pessoal do Führer.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

É interessante notar que, à semelhança de algumas outras peças da coleção, essa também traz uma sensação de movimento que pode ser notado no sobretudo do vilão. Como se um movimento do corpo do personagem ou mesmo uma brisa ou vento soprasse em uma determinada direção, movimentando o tecido da capa, nesse caso específico para frente. Efeito semelhante pode ser visto em alguns personagens comentados aqui no Blog, tais como, Thor e Vampira. Esse efeito é bem interessante para mim e é uma das características que destaco da coleção, pois valoriza as peças em suas poses.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

Uma das únicas coisas que achei um pouco diferente do personagem original foi a forma com que a cabeça foi moldada. Achei a "Caveira" em si um pouco fina demais. Estou acostumado com um formato mais "gordinho" do famoso crânio escarlate. Mas obviamente esse foi um detalhe insignificante que me chamou a atenção. Outro ponto de destaque é que, embora difíceis de moldar em metal por serem pequenas, as pistolas nas mãos do vilão são críveis e convencem.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

Johann Schmidt nasceu na Alemanha, filho de um camponês bêbado e sem escrúpulos. Como sua mãe morreu ao lhe dar à luz e seu pai logo cometeu suicídio, Schmidt foi encaminhado para um orfanato onde cresceu sofrendo maus tratos. A única pessoa que o olhou com carinho foi a filha de um comerciante judeu que lhe ofereceu trabalho quando ainda era bem jovem. Infelizmente ao ser rechaçado pela garota ao tentar algo além do que uma amizade, Schmidt a mata e sente um grande prazer nisso. Alimentando uma incrível sede de violência e raiva frente à tudo e à todos, o jovem alemão viria a conhecer ninguém menos que o Führer, Hitler.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

Como fruto desse encontro, que ocorreu em um hotel em que o jovem Schmidt trabalhava, Hitler enxergaria o potencial para fúria e terror do rapaz, constituindo-o como um capanga particular, dando-lhe o nome de "Caveira Vermelha" ao vesti-lo com uma máscara vermelha em forma de caveira. Os anos passariam, mas assim como seu arqui-inimigo (o Capitão América), ele também entraria em estado de animação suspensa ao ser exposto à um gás experimental. Dessa forma Steve Rogers e Johann Schmidt atravessariam grande parte do Século XX em profundo sono.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha

Tal qual aconteceu com o Capitão, que foi substituído por um cidadão americano que passou a usar o manto de Capitão América durante os anos de Guerra Fria enquanto Steve Rogers estava em animação suspensa, outra pessoa também se apossou do nome e passou a agir como Caveira Vermelha durante esse período. Seu nome era Albert Malik, um espião comunista. O fim dos dois homens que substituiram o herói e o vilão originais tiveram fins trágicos após o retorno dos originais. Em minha opinião, em função de uma mitologia extensa e longa, e por causa do trabalho pouco inspirado de muitos roteiristas, a trajetória do Caveira Vermelha foi ficando cada vez menos crível. Com mortes, ressurreições, transmutações de mentes, de corpos, construções de clones e de MVAs (modelos de vida artificial) do vilão. Toda essa licença fantástica que, na minha opinião faz parte do mundo ficcional do quadrinhos, foi por demais abusada em alguns personagens, o que acabou por deixá-los apenas sombras do que foram no passado.

Miniatura Marvel Nº 34 - Caveira Vermelha
 
Concluindo, acredito no poder do personagem que o Caveira Vermelha representa, porém ele é hoje vítima dos problemas que discuto acima. Infelizmente tais questões não afligem apenas esse vilão, mas também uma imensa gama de heróis e vilões do Universo Marvel e DC. Tais questões nos arremetem à uma outra pergunta: Como livrar os personagens ficcionais dos quadrinhos daquilo que se constitui em sua grande conquista, mas ao mesmo tempo em sua possível ruína: a extensa mitologia que carregam?

Quem tiver a resposta para essa pergunta poderá se tornar o novo Stan Lee ou Jack Kirby para uma nova geração de leitores.

Abraço à todos!

10 comentários:

  1. Tudo bom Marcelo?
    Post bem escrito e detalhado, como sempre! Praticamente impossível dissociar o Capitão América do Caveira Vermelha ( e vice versa ). É um vilão dos mais consagrados do universo Marvel. Gostei também da miniatura em si, mas desde a primeira imagem que vi da mesmo, notei um pescoço um pouco mais alongado que o normal. Pode ser apenas impressão minha dada a pose do personagem, mas esse fato me chamou a atenção. Também notei, assim como você, que a cabeça está mais fina do normalmente vemos nos HQs. Nada que atrapalhe, diga-se! Seu olhar de lunático ficou demais.
    Abraço e obrigado pelo espaço
    Fernando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernando! Blz!?

      Esses dias estive na correria, por isso desculpe e demora na resposta!

      Valeu pelo comentário! Esse detalhe da cabeça e pescoço não foi só eu que notei pelo jeito! rs rs

      Gosto do personagem enquanto vilão. Ele é importante, não é a toa que o usaram nos cinemas nos filmes da Marvel. No entanto, nos quadrinhos acredito que ele enfrente o problema que comentei no final da matéria. E não é só ele, uma grande gama de personagens passam por isso também. Acredito que em algum momento a indústria dos quadrinhos acordará para esses problemas.

      Valeu Felipe!!

      Marcelo.

      Excluir
  2. Ola amigo marcelo, novamente só tenho a agradecer, sua descrição da peça é excepcional. Perfeita

    Devo confessar que ao adquirir essa peça fiquei um pouco decepcionado pelas características que o fernando destacou acima, o pescoço alongado se destaca demais e chega a incomodar, mas ao colocar ele na estante ao lado do blade e do justiceiro, eles pareciam os proximos membros do MERCENARIOS do stallone........kkkkkkkk

    A peça isolada nao me agrada, e é uma daquelas que em conjunto com a coleção se torna maravilhosa.

    Marcelo só reiterando a divulgação do canal

    www.youtube.com/user/hqcoisas2


    Canal crescendo muito rapido, ja tenho gravado e editado 2 videos sobre as miniaturad baseadas no seu blog, vão ao ar semana que vem, agradeceria muito se voce conseguisse colocar um banner aqui no seu blog.

    Abraços amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Elton... Blz!?

      Valeu novamente pela participação aqui no Blog e comentário.

      Em geral a composição da coleção como um todo é muito boa mesmo. Pequenos problemas de modelagem e caracterização dos personagens desaparecem quando as peças são colocadas juntas.

      Quanto ao canal parabéns pela iniciativa! Espero que divulgue a coleção e através dele possamos agregar mais amigos e debatedores saudáveis sobre o assunto. Conte comigo!

      Abcs!!

      Marcelo.

      Excluir
  3. Grande abordagem Marcelo, o Caveira Vermelha é e sempre será o maior inimigo que o Capitão já teve, pois é o contrário de tudo que ele sempre sonhou e lutou. Agora outra coisa, não sei se vc lembra da sacanagem que a Panini fez não só comigo, mas com um bocado de gente no primeiro ano da assinaturas das miniaturas Marvel, quando tirou os brindes e não avisou a ninguém eu não recebi os mesmos e após várias reclamações com a Panini, a mesma disse que eu não tinha direito. Pois bem com a entrada da Englemoss, mandei um e-mail para eles e passou o tempo e não obtive resposta e conversando aqui com vc, vc me disse que tinha conseguido uma troca de um produto seu e me incentivou a tentar de novo, e foi o que fiz, a quatro meses atrás mandei um e-mail e disse que me sentia injustiçado pois tinha sido um assinante que acreditou no produto desde o início e minha coleção estava diferente daqueles que iniciaram a assinatura no segundo ano, pois os brindes foram oferecidos a todos, e quem renovou para o segundo ano, mais uma vez não teve direito a nada, que foi o meu caso, disse a eles também que a minha renovação iria depender da boa vontade deles. Eles me responderam que lamentava pelos transtornos, e que iriam enviar os brindes, não acreditei muito e já estava esquecido e ontem quando chego em casa tinha uma caixa da Englemoss, pensei que eram as duas do mês, pois recebo tanto DC, quanto da Marvel, e para minha grande surpresa, tinha o Abominável, o Fichário, o Aranha e a Plataforma. Um grande presente que achei que não iria ter mais. Pelo menos no meu caso a Englemoss conseguiu consertar a pilantragem da Panini. Abraços amigo e continue com o seu Blog sempre excelente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aproveotando seu comentário marcilio só tenho elogios a fazer para a eaglemoss.
      Ja troquei 2 peças quebradas e recebi tb meus brindes que estavam em atraso, a empresa esta tratando com muito respeito, nós colecionadores.

      Tenho apenas 2 ressalbas a fazer, esqueçam o email ele nao funciona, émuito mwlhor vc ligar lá direto, serão atendidos por uma moça chamada Mônica, e ela rwsolvera tudo rapidinho.

      A outra ressalva que a eaglemoss ainda nao conseguiu resolver são os prazos, se comprarem coisas avulsas deles pode, esperar sentados por pelo menos 30 dias, pq eles entregam em 15 dias uteis

      Excluir
    2. Oi Elton, também achei isso, ou seja, uma melhora significativa a partir da entrada da Englemoss, pois além dos brindes, também já tinha trocado uma peça com eles que foi a do Mefhysto, e é bom saber que por telefone é mais rápido, depois disponibiliza o número aqui, para resolver algum problema se houver. Abraços.

      Excluir
    3. Olá amigos!!

      Excelente notícia Marcílio! Imagino sua sensação ao receber essas peças. Foi assim comigo também que, como você mesmo mencionou, fui receber parte dos brindes bem depois.

      Concordo também com o Elton. A Eaglemoss melhorou muito o andamento da coleção no Brasil. Na época da Panini o descaso reinou. A Eaglemoss tem se saído bem, sobretudo se pensarmos que falamos de um país de dimensões continentais como o nosso.

      Valeu amigos!

      Marcelo.

      Excluir
  4. Olá Marcelo, ótimas fotos e texto como sempre. o que me chamou atenção na miniatura foram as pistolas, muito bem feitas. Aproveitando os comentários do Marcílio e do Elton, também estou satisfeito com a Eaglemoss. Eles podem demorar um bocado, mas acabam resolvendo os problemas. Recebi agora os brindes da DC referente à assinatura anual (de agosto/2013). Vieram duas plataformas e nenhum fichário e o brinde Batman veio danificado. Já liguei e eles ficaram de resolver. Já tinha visto fotos do Batman no seu blog, mas as vivo ele é bem mais legal. Acho que é a melhor miniatura que saiu até agora.

    Abs., Carlos - São Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlos! Tudo bem?

      Agradeço o comentário sobre a matéria do Caveira. Obrigado.

      Como disse acima concordo com a ideia de que a Eaglemoss veio melhorar em muito nossa relação com a coleção. Questões ainda podem melhorar, porém estamos em um caminho bem melhor que o anterior.

      Espero que você resolva logo essa questão da troca do brinde do Batman. A peça é muito boa mesmo!

      Grande abraço Carlos!!

      Marcelo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados