terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

Letal e muito perigoso, o Pistoleiro construiu sua carreira no Universo DC rivalizando com personagens importantes, como visto em seus diversos encontros com o Cruzado Encapuzado de Gotham. Embora tenha aparecido pela 1ª vez em Detective Comics Nº 59 de Julho de 1950, foi apenas nos anos 80 que o Pistoleiro foi elevado à outro nível pelas mãos do escritor John Ostrander e artistas como Luke McDonnell e Karl Kesel ao inseri-lo dentro do grupo Esquadrão Suicida. A partir disto os fãs de quadrinhos realmente se conectaram com a dinâmica do personagem. Hoje examinaremos a miniatura do Pistoleiro dentro da Coleção de Miniaturas da DC da Eaglemoss, bem como sua origem e saga pessoal até se transformar em uma máquina humana de matar, rivalizando até mesmo com sua contraparte da Marvel, o Mercenário.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

Um dos primeiros destaques da peça para mim foi a pintura que, neste caso, apresenta-se bem feita e, tão importante quanto, bem delimitada. Além disso, as cores são vivas e, no caso da máscara, destaca-se por um brilho metálico à semelhança de uma "malha" de metal. São muitos os adereços de combate presentes no personagem. Todos podem ser muito bem vistos na peça. Além dos braceletes carregados com balas e em forma de pistola, temos também a indumentária branca que recobre abdômen, tórax e calção. Na região do abdômen, vemos placas que simulam um colete, dando firmeza e proteção ao tronco. O cinto traz pequenas bolsas nos dois flancos, provavelmente usadas para carregar pequenos acessórios de combate.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

É interessante notar também a presença de dois dispositivos presos por cintos ao redor das coxas. Ao que parecem são locais para guarda de munição extra. Embora tais dispositivos sejam pequenos, apresentam-se bem delimitados e modelados. As botas trazem o mesmo amarelo das luvas e um tipo de reforço na superfície anterior da perna, chegando bem próximo aos dedos dos pés. A tradicional luneta telescópica (marca registrada do personagem) no olho direito está presente e destaca-se muito bem, além do alvo marcado bem no meio do tórax, evidenciando a tendência suicida do personagem. Um último detalhe a ser destacado é a existência das mesmas placas brancas (vistas ao redor do abdômen), também na região do tórax superior. Isto mostra que o Pistoleiro usa, por baixo da malha vermelha, um colete que recobre todo seu tronco, mas que é visível apenas na região superior do tórax, nas costas, ao redor do abdômen e cintura.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

O homem por trás da máscara do Pistoleiro chama-se Floyd Lawton, e sua tendência homicida e suicida tem origem em sua infância, fruto de um lar disfuncional e cheio de problemas. Lawton era filho de um homem muito rico chamado George Lawton, sua mãe, Genevieva passou a odiar o marido em função de suas características abusivas e ditatoriais. O irmão de Floyd, Ed, era apenas um pouco mais velho que ele, porém tinha grande familiaridade com armas, assim como o pequeno Floyd. A desequilibrada Genevieva, no entanto planejou um hediondo plano que envolvia os filhos. Jogando os dois meninos contra o pai, ela pediu à eles que o assassinem, justificando isso pela necessidade de ser protegida do marido. Floyd não concorda com isso, mas Ed sim, que tranca o pequeno Floyd para fora de casa numa tarde para executar o assassinato.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

As coisas, no entanto pioraram mais ainda. Floyd idolatrava o irmão e, na ânsia de impedi-lo de cometer o crime, pega uma arma e sobe em uma árvore para tentar atirar no braço de Ed, impedindo-o assim de se tornar um criminoso. Porém, quando foi atirar o galho que o sustentava quebrou, fazendo com que Floyd disparasse e acertasse a cabeça de Ed. O pai também sofre um tiro da arma de Ed e fica paralítico. Todo incidente foi abafado com a fortuna e influência de George Lawton que continuou legalmente casado com Genevieve, porém praticamente sem contato algum. Com tudo isso Floyd cresceu à sombra deste terrível acontecimento, e não tardaria para que se tornasse um adulto muito inquieto e cheio de uma estranha necessidade homicida e suicida. Após casar-se, Floyd teve um filho, Eddie, e mudou-se para Gotham City. Talvez sugestionado pela obscuridade da cidade, ele começou a atuar como um combatente do crime apenas usando máscara, casaco e chapéu. Isso fez com que logo Floyd entrasse no radar do Homem-Morcego, que o prendeu. Após cumprir pena, Floyd retornou a atuar, só que agora como assassino de aluguel, adotando o nome de Pistoleiro e vestindo o uniforme já tradicional do personagem.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

Nessa época o Pistoleiro entraria em vários conflitos com o Batman e ingressaria para o Esquadrão Suicida, provavelmente motivado por suas tendências letais e de auto-agressão. No Esquadrão, Floyd ficaria conhecido pela sua inconsequência diante do perigo e letalidade observada em várias missões. O passado, no entanto o alcançaria novamente. Sua mãe, Genevieve sequestraria o pequeno filho do Pistoleiro, Eddie, condicionando sua liberdade ao assassinato de George, pai de Floyd pelas suas próprias mãos. Dentre os sequestradores contratados por Genevieve havia um homem muito perigoso chamado Wes, que além de tudo possuía histórico de pedofilia. Floyd revirou Gotham City atrás de seu filho, matando todos os envolvidos, exceto Wes, que conseguiu fugir com Eddie. Quando o Pistoleiro encontrou o esconderijo de Wes, seu filho já estava morto. A vingança de Floyd contra Wes foi horrível, e levou o sequestrador à uma morte lenta e dolorosa. Quanto à sua mãe, Floyd foi ao seu encalço e atira propositadamente em sua espinha, deixando-a paralítica e condenando-a ao mesmo destino do marido.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

O Pistoleiro continuaria sua saga violenta, ora sozinho ora ao lado do Esquadrão Suicida. Histórias memoráveis tendo o personagem como seu centro foram publicadas no Brasil, como foi o caso de Pistoleiro, publicada em DC Especial Nº 04 de Março de 1991, em que a psiquê de Floyd Lawton é dissecada pela psiquiatra Marrie Herrs, que tenta cura-lo de sua depressão e tendências suicidas. Nesta história a psiquiatra tenta atingir seu objetivo revisitando o passado de Floyd e sua tentativa frustrada de resgatar o filho Eddie. Recentemente, o personagem alcançou popularidade mundial dentro do fraco Esquadrão Suicida, filme de 2016, em que é interpretado por Will Smith.

Miniatura DC Nº 24 - Pistoleiro

De todo modo, o Pistoleiro é um personagem enigmático e com grande potencial dramático, haja vista sua história pessoal e seu histórico de combate. Um homem complexo, que oscila entre o lado bom e mal com consequências catastróficas para todos ao seu redor. Um personagem que sintetiza bem nosso tempo, em que heróis não são 100% bons e bandidos também são mais complexos do que pensamos, tendo em vista serem produto de uma organização econômica, social e política cheia de falhas.

É isso aí amigos... Um grande abraço à todos!!

9 comentários:

  1. Bom dia Marcelo!

    Tá ai mais uma miniatura que comprei pelo visual, a hora que vi na banca não resisti, miniatura robusta e muito bem feita, acredito que a Eagleamoss deu uma caprichada no tamanho das miniaturas da DC exatamente pra chamar a atenção, pois o apelo das miniaturas Marvel é muito maior, eu mesmo passei a comprar todas da DC pelo visual, pois não conheço mais de 80% destes personagens da Coleção. Assim o visual lindo, tamanho maior e a perfeição das peças mais desconhecidas me conquistaram, digo isto pois os personagens de grande apelo como Super Homem, Mulher Maravilha, Mulher Gato, canário Negro e algumas outras que não lembro agora foram muito mal feitas, uma vez que só o personagem em si já venderia muito. Bom esta é uma tese meio louca que tenho o que você acha?

    Abraço mais uma vez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Wellington! Blz!?

      Verdade, também achei bem legal essa peça viu. Sobre esta questão das miniaturas da DC serem mais robustas isso é verdade. A história por trás disto é que após o sucesso lá fora da Coleção da Marvel, a Eaglemosss resolveu lançar também a da DC, e com a perspectiva de sucesso fizeram um trabalho mais caprichado mesmo. Por isso esta diferença de tempo de lançamento entre elas fez diferença.

      Nunca pensei direito sobre o porque os "medalhões" da Editora foram tão mal feitos. Você pode ter razão. Mas eu realmente não sei. Superman e Mulher-Maravilha estão muito mal acabados mesmo. Até o Caçador de Marte (Ajax) dá de 10 à 0 no Homem de Aço... rs rs rs

      Valeu Wellington!!

      Um grande abraço pra ti!

      Marcelo

      Excluir
  2. Linda miniatura e a narrativa está simplesmente sensacional!
    Lendo seu texto refleti em cima de quanto devemos ser exemplos aos nossos filhos.O carinho, a delicadeza, o modo de ensinar... É realmente um importante percurso principalmente para a formação do caráter.
    Sendo que até os cinco anos a criança já possui o que irá levar em bagagem.
    A maldade tem influência na mente fraca
    e principalmente se essa maldade vem daqueles que temos como heróis.
    No caso aí Lawton foi exatamente essa vítima com consequências.
    Gostei muito do texto e desculpa não entender nada de coleções rsrs.
    Mas te ler é um verdadeiro presente.
    Boa noite


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Fernanda...

      Agradeço sua presença e comentário. Valeu!

      Em geral as histórias dos heróis e vilões do Universo das HQs são trágicas. Talvez tentando emular as tragédias da vida real. Atualmente, em mundo ambíguo e estranho como o nosso, parece até que estas histórias estranhas e fantásticas se aproximaram muito de todos nós. Isso quer dizer que aquela distância entre a fantasia das histórias e nosso mundo real está cada vez menor menos.

      Obrigado mesmo Maria Fernanda... Apareça sempre!!!

      Marcelo

      Excluir
  3. Olá Marcelo.
    Achei seu blog quando tava pesquisando sobre essa coleção. parabéns pelo trabalho.
    Queria começa e queria dicas. No site da EM tem assinaturas de 1 ano (26 peças) e 2 anos (52 peças). Se eu assinasse a de 1 ou 2 anos, as peças viriam necessariamente na ordem? Então a partir do número 53 eu teria que comprar avulso? Teria risco de eu não conseguir comprar as da 53 pra frente pra completar a coleção? Valeu pela ajuda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo...

      Como vai? Agradeço as palavras e fico muito contente que tenha gostado do Blog.

      Então... Sobre esta questão de iniciar uma assinatura nova seria bom você dar uma ligada para eles. Tenho visitado constantemente a página de vendas da Eaglemoss e tenho percebido que praticamente todas as peças estão disponíveis para compra. Isso quer dizer que não haveria motivo para eles não te encaminharem todas conforme a sua assinatura avance. Sobre quais eles te mandariam 1º, se seria a partir da Nº 01 ou a partir da atual eu realmente não saberia te dizer. Sou assinante também. Mas desde o início da coleção em 2012 (da Marvel) e 2013 (da DC).

      Valeu amigo!! Apareça sempre!

      Gde. Abc.!!

      Marcelo

      Excluir
    2. Blz meu caro. Vou ligar lá. Uma outra dúvida: andei vendo videos no youtube e notei relapso da parte da EM quanto o despacho. Em geral vi muito gente reclamando de peças quebradas, encartes amassados. Como foi sua experiencia com isso?

      Excluir
    3. Então... Tem sido boa. Principalmente no início não havia muita proteção para as peças. De uns tempos para cá eles adicionaram mais plástico bolha e bolhas de amortecimento.

      Mas não dá para dizer que não haverá peças com alguns defeitos. Quando recebo peças assim, tipo com alguma coisa bem simples meio torta eu mesmo com cuidado desintorto e fica excelente. Quando há alguma coisa quebrada mesmo eu ligo lá e eles trocam. Pedem apenas uma foto da peça quebrada e mandam outra.

      Tem sido assim.

      Valeu!

      Abração!

      Marcelo

      Excluir
    4. Bom dia!

      Vou dr um pitaco nesta conversa. Para quem esta começando a coleção hoje é melhor comprar avulso, tem muita gente vendendo as miniaturas, por até R$ 25,00 em perfeitas condições, caso queira uma assinatura condicione o início da 60 pra frente e compre as anteriores avulsas, desta forma economizará de 30 a 40%. Caso queira dicas de vendedores com os preços baixos, adicione meu zap que te indicarei 31 98578-8372.

      Marcelo, espero que isto não esteja infringindo alguma regra do Blog, se estiver me informe.

      Abraços.

      Excluir