quarta-feira, 30 de maio de 2012

O Novo Reino do Amanhã ?

Liga da Justiça


Há aproximadamente uma ano atrás uma das gigantes do mundo dos COMICS iniciava nos Estados Unidos um Tsunami que iria varrer todo seu universo. A DC (Detective Comics) realizava um REBOOT (reinício) em todos os seus títulos. Embora algumas pessoas desconheçam o fato, o mundo das HQs é polarizado em duas grandes: a MARVEL, com seus grandes e conhecidos personagens (Homem-Aranha, Capitão América, Hulk, Homem de Ferro, Thor...) e a DC, dona de outros grandes nomes da cultura pop (Super-Homem, Batman, Mulher-Maravilha, Lanterna Verde, Flash...).


Para muitos talvez seja difícil de entender mas esses dois universos não se comunicam. Ou seja, os personagens de um, não interagem com os do outro. Mas o que a DC fez há um ano lá fora, e que chega ao Brasil nesse mês de junho, foi "zerar" toda a cronologia de seus heróis. Isso quer dizer que todas as histórias escritas até hoje sobre seus personagens são desconsideradas e suas mitologias são novamente escritas. Minha opinião pessoal é que isso fere o leitor antigo em detrimento dos novos. Na esperança de angariar novos leitores a editora reformula seus personagens tendo por base motivações mercadológicas.

Cena da Memorável História "Super-Homem: Paz na Terra" - 1999. Roteiro de Paul Dini e Arte de Alex Ross


Utopias à parte (uma vez que é impossível sobreviver nesse mundo sem tornar seu produto lucrativo) eu apoiaria esse REBOOT caso a DC apresentasse algo efetivamente "NOVO". Uma reconstrução de seus personagens a partir de novos conceitos, paradigmas e dilemas de nossa época sem, no entanto, perder a atmosfera original do herói. As notícias que nos chegaram de fora, e que agora poderão ser comprovadas pelo leitor brazuca, é a de que a DC "zera" seus títulos substituindo-os por inovações que não cumprem esse papel. EU particularmente não li os novos títulos em inglês, e as primeiras revista pós REBOOT começam a chegar essa semana no Brasil pela Editora PANINI. O REBOOT sempre dividiu opniões, e eu sempre fui contra... Espero que a DC me prove o contrário...

Cena de "Batman: Guerra ao Crime" - 2000. Roteiro Paul Dini e Arte de Alex Ross


A DC deu o nome à essa revolução: Os Novos 52. Alusão aos 52 títulos lançados nessa fase pós REBOOT lá fora. Alguns personagens parecem que realmente voltaram alterados. Super-Homem por exemplo perdeu um pouco do "Espírito de Escoteiro" que sempre carregou e do qual (em minha opinião) sempre foi vítima. As mudanças no Batman eu ainda não conferi. Há muita espectativa sobre tudo isso. Após esse evento a DC praticamente passou a liderar as vendas de revistas no mercado americano... Estamos curiosos para saber se isso será apenas fruto da curiosidade dos fãs ou fruto de uma mudança real.

Lanterna Verde da Era de Prata - Hall Jordan


Caso você se interesse em ler sobre esse REBOOT que agora chega no Brasil, a PANINI criou um site só para tratar do assunto que você pode acessar clicando aqui. Os novos títulos lançados no Brasil e que começam a chegar essa semana você pode conferir no site da Comix Book (livraria especializada em comics) clicando aqui. Bem... Essa é sua chance de acompanhar o universo DC a partir de um novo recomeço. As revistas estão com as numerações zeradas.

Lanterna Verde da Era de Ouro - Alan Scot


A nostalgia que acompanha essas imagens que postei aqui se refere à esse momento que marca o fim de uma mitologia... mas que de certa forma renasce, porém alterada. O crédito pelas ilustrações é para o brilhante desenhista Alex Ross, conhecido por verdadeiros marcos dos quadrinhos que ele ilustrou: "Marvels" para a Marvel e "Reino do Amanhã" para a DC.

Polêmica Cena da história "Mulher-Maravilha: Espírito da Verdade" - 2001. 

Roteiro Paul Dini e Arte de Alex Ross


Bom! Que venham os ventos da mudança!!

 

Guerra ao Crime - 2000

5 comentários:

  1. Marcelo querido!
    Amo esse lado criança que gruardas, com carinho,
    numa gavetinha de sua memória. Acho isso muito lindo!
    Abraços! Uma quarta feira abençoada e feliz.

    Estou contando os dias para o feriado...Saudades!

    ResponderExcluir
  2. Pessoas que fé, essas que acompanham religiosamente diversos títulos DC (e Marvel), selecionando o que é realmente bom das toneladas de lixo despejadas nas bancas e livrarias todos os dias.

    Cansei de ler mensais há anos. Esse reboot não me convence nem vou lhe dar uma chance. Falta tempo e grana para investir nisso. É como aquele velho verso "Só quero saber do que pode dar certo...".

    O mercado, felimente, vem mudando. Muitos leitores querem arcos fechados em encadernados, após criteriosa avaliação se, realmente, vale a pena comprar. Além disso, os outros nichos de HQs - que não de heróis - cresce a cada dia!


    E mais: muito bom o trabalho que vc fez com fotografias de miniaturas (marvel e automóveis!).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. " Muitos leitores querem arcos fechados..."

      E aí Kleiton... Blz? Isso é verdade. Eu por exemplo venho bravamente tentando seguir alguns títulos mensais, mas vejo que fora da Grande Saga da vez, as histórias são pouco cuidadas. Daí vale a pena mesmo aguardar os encadernados.

      Também venho me interessando por quadrinhos fora do ambiente de super heróis que também é super interessante e avançado na arte e temáticas.

      O Reboot da DC por exemplo me decepcionou bastante... Tem parecido mesmo um "caça níquel". Vou colocar aqui algumas resenhas sobre as revistas desse Reboot que tem saído.

      Valeu também pelos elogios das fotos... Vou postar outras!

      Gde. Abc. Marcelo.

      Excluir
  3. Valeu.

    E acabei de ver a figura de Blade. Essa eu não compraria. Penso em, mais à frente, com avanço na coleção, selecionar algumas que me interessem e comprar na Comix.

    Acerca de quadrinhos fora do mainstream Marvel/DC, recomendo os títulos da Quadrinhos na Cia, bem como diversos nacionais: Bando de Dois, Diomedes, Mundo Pet, 10 pãezinhos etc.

    abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Kleiton...

      Essa coleção de Miniaturas Marvel era meu sonho de consumo há muito tempo. Sempre gostei de colecionáveis porém nunca comprei os bonecos que aparecem articulações e que às vezes simulam mais brinquedos. Essa no entanto me surpreendeu por preservar a anatomia dos personagens. Esse foi um grande diferencial para mim.

      Em relação às dicas de HQs gostei bastante... Vou verificá-las... Recentemente li pela Devir a HQ "Revelações" sobre um crime em pleno Vaticano e gostei bastante. Fora isso eu comprei também "As Crônicas Marcianas" de Ray Bradburry. Outra que está na fila para eu ler é "O que aconteceu ao homem mais rápido do mundo?"... Vi críticas ótimas. Por último tive ótimas referências do encadernado Day Tripper. Essas que vc citou eu vou atrás.

      Gde. Abc Kleiton. Valeu!

      Marcelo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados