domingo, 26 de novembro de 2017

Miniatura Marvel Série Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Manto e Adaga apareceram pela 1ª vez na Revista Spetacular Spider-Man Nº 64 de Março de 1982. Criado por um dos grandes nomes dos quadrinhos (Bill Mantlo), Tyrone Johnson (Manto) e Tandy Bowen (Adaga) apareceram desde o início como uma dupla de heróis urbanos com um passado obscuro aparentemente ligado ao mundo das drogas. Somente em 1984 a origem da dupla seria revelada e descobriríamos como eles ganharam seus poderes. Manto e Adaga nasceram com a premissa do aparente paradoxo entre Luz e Trevas. Hoje trataremos da miniatura dupla que os representa dentro da Coleção de Miniaturas Marvel da Eaglemoss. Além disso, discutiremos a origem dos dois e sua estreita relação com outros heróis urbanos da Casa das Ideias. Sejam bem vindos à mais uma matéria que, desta vez, desfraldará a intrincada mitologia de Manto e Adaga.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Os dois jovens heróis foram representados dentro da Coleção no segmento que ficou conhecido lá fora como Double Pack, ou seja, personagens que vinham em dupla. Neste segmento temos, por exemplo, Prof. Xavier e Lilandra, Kazar e Zabu, Sasquatch e Pigmeu, Estrela Polar e Aurora... Particularmente achei bem interessante a peça de Manto e Adaga. A simbiose subentendida entre os dois foi respeitada ao colocarem parte do braço e perna direita de Adaga dentro da escuridão que é o corpo de Manto. Aliás, Tyrone basicamente não tem um corpo, já que é constituído de sombras e faz parte da dimensão negra para a qual qualquer um que adentrar seu manto é lançado. Para conseguirem este efeito na peça, tiveram que deixar tudo que está envolvido pelo manto azul escuro de Tyrone como um bloco negro.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Adaga aparece em sua figura, aparentemente, mais frágil e delicada que Manto. Sua roupa possui uma fenda frontal que expõe parte de seu abdômen e o espaço entre os seios, que se abre em outra fenda horizontal evocando uma cruz, ou melhor, uma adaga cuja ponta está voltada para baixo. As feições da personagem poderiam estar melhor esculpidas, mas este problema não é exclusividade desta peça, já que outras heroínas sofreram com isso na coleção, por exemplo Elektra, Lince Negra, Emma Frost, Mulher-Hulk entre outras. Gostei da robustez e ao mesmo tempo leveza que foi dada à capa de Manto. Pode-se distinguir muito bem as ondulações no tecido, presentes inclusive nas bordas inferiores, que se ondulam como se estivessem sendo sopradas por um vento interno de cima para baixo. Não podemos deixar de notar também, o fato da imponente figura de Manto evocar aquelas lendárias figuras Haitianas ligadas ao Vudu.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Tyrone Johnson era um adolescente tímido de Boston que convivia com um sério problema de dicção, ou seja, não conseguia se comunicar direito por ser gago. Seu melhor amigo era outro adolescente chamado Billy. Tyrone e Billy presenciaram um assalto e, após os bandidos fugirem, a polícia chegou e logo achou que a culpa era de Billy. Tyrone infelizmente ficou nervoso e não conseguiu explicar aos policiais, por causa de sua gagueira, que seu amigo era inocente, o que acabou levando Billy à morte por reagir aos policiais. Amargurado e sentindo-se culpado pela morte do amigo, Tyrone (Ty) foi para Nova York, onde presenciou (logo que chegou) à uma moça rica praticar um furto. Esta moça era Tandy Bowen que fazia aquilo por estar revoltada com sua a mãe, uma mulher fútil, supermodelo e multimilionária, e por se sentir desprezada pelo padrasto, que pouco ligava para ela. Ty e Tandy logo se afeiçoaram e uma forte amizade nasceu entre os dois adolescentes. O jovem casal, talvez por ingenuidade, deixaram-se aliciar por dois tipos estranhos que os levaram ao criminoso chamado Simon Marshall. O facínora estava desenvolvendo um novo tipo de narcótico para substituir a heroína e usava jovens frustrados e perdidos como cobaias.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Ty e Tandy foram injetados pela nova droga e, diferentemente das outras jovens cobaias que morreram, reagiram de forma inusitada ao desenvolverem estranhas habilidades. Ty teve seu corpo alterado e transformou-se em um ser constituído de sombras, sobre as quais jogou um manto. Tandy, em contrapartida passou a disparar projéteis de luz sólida, com os quais podia ferir qualquer um. Com o tempo Ty percebeu que podia absorver atacantes para dentro de si, jogando-os para dentro de uma dimensão negra. Era como se ele fosse um portal para um local frio, vazio e cheio de trevas. Mas não apenas isso, pois Ty podia teleportar qualquer um para qualquer lugar usando como atalho esta dimensão. Os poderes de Adaga também mostraram-se mais complexos com o tempo. A luz emitida por ela não apenas podia ferir as pessoas, mas revelava a elas o que teria acontecido caso elas tivessem feito boas escolhas em seu passado, caso tivessem optado pelo caminho do bem. Esta característica do poder de Adaga quase que funcionava como um poder "redentor", pois fazia com que as pessoas mudassem sua forma de pensar e de agir a partir do contato com sua vida "alternativa".

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

A verdade é que, no fundo, Ty e Tandy eram mutantes que tiveram seus poderes despertados pela droga de Simon Marshall. As primeiras histórias da dupla sempre os apresentava como adolescentes em busca de criminosos ligados ao mundo do tráfico, como se fossem dois sobreviventes que não quisessem que outros jovens sofressem ou enveredassem pelo caminho das drogas. As coisas complicaram-se um pouco quando Manto percebeu que possuía uma fome, ou seja, uma fome que precisava se aplacada com a absorção de pessoas para dentro de si. O que muitas vezes aconteceu com criminosos. Adaga conseguia aplacar parte desta fome ao fornecer sua luz para as trevas de Manto. Infelizmente, descobriu-se depois que estas trevas vorazes de Manto tinha um nome: a entidade maligna chamada de Predador. Foi, no entanto o Doutor Estranho que teve importante papel de mentoria junto à Manto e Adaga para que conseguissem continuar a trilhar um caminho adequado. Foi também a amizade da dupla com Stephen Strange que fez com que Adaga se aproximasse de outros heróis (caso de Natasha Romanov, a Viúva Negra) e integrasse uma versão dos X-Men, os X-Men Sombrios.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Outro herói profundamente ligado à cronologia de Manto e Adaga é o Homem-Aranha, que chegou inclusive a ser mentor dos dois jovens certa época. Um aspecto extremamente relevante revelado muitos anos depois, sobre o passado de Ty e Tandy foi o envolvimento do demônio Desespero na origem da dupla. A verdade é que os poderes dos dois teriam se manifestado espontaneamente, mesmo sem a droga que ingeriram. Mas Desespero acelerou este processo através da droga de Simon Marshall. O objetivo do demônio era que Ty e Tandy agissem como depósitos de dor e sofrimento, já que ele se alimenta de infelicidade. Foram a resistência e o caráter de Manto e Adaga que frustraram os planos de Desespero. Atualmente a dupla desfruta certa fama ao protagonizarem uma Série da Marvel que estreará em 2018. Espero que mantenham a mesma "pegada" marginal existente na origem da dupla e os afastem dos clichês presentes em séries de adolescentes.

Miniatura Marvel Especial Nº 12 - Manto e Adaga

Bom amigos... É isso aí! Um forte abraço à todos!

2 comentários:

  1. Ebaaa mais uma matéria de miniaturas.

    Olá Marcelo, estive distante do blog por um tempo (sempre leio e não comento por não saber nada), mas com esta matéria das miniaturas, principalmente esta que foi uma das mais aguardadas por mim, engraçado que quando conheci esta dupla nos quadrinhos a Adaga estava cega e pensei que era uma característica permanente da personagem, somente com o lançamento desta miniatura que fiquei sabendo que na verdade foi somente um período de cegueira. Enfim esta Adaga é uma gata e esta muito bem caracterizada na miniatura, é uma pena que o rosto da maioria das miniaturas esta horrível Gata Negra então ficou péssima (poderosa e Mulher Gato da DC Deus me livre), muito boa sua matéria como sempre é uma pena que estes personagens nunca tiveram um destaque maior nos quadrinhos, sempre atuando como coadjuvantes, espero que a série seja boa, pois estou gostando demais desta enxurrada de series de quadrinhos mesmo quando a maioria reclama como reclamam d Defensores, Inumanos, Legião e outros. Abraço Marcelo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Wellington!!!

      Desculpe a demora na resposta. Como você já sabe estou com nenê em casa rs rs E ele já toma muito tempo e às vezes não dá para responder com aquela agilidade que eu gostaria.

      Que legal que você curte a dupla. Pelo que observo são personagens não tão conhecidos do grande público. Para falar a verdade eu mesmo tive que pesquisar para escrever sobre eles. Quando eles foram introduzidos no Universo Marvel aqui no Brasil nos anos 80 eu começava a deixar os quadrinhos um pouquinho de lado. Claro que depois eu voltei, mas foi uma época em que eu acabei não conhecendo muito a dupla.

      Concordo com você sobre a questão das feições. Acabei nem citando as musas da DC aqui na matéria. Mas esses exemplos que você dá (Poderosa (que parece um pouco demente), Gata Negra e Mulher Maravilha (vela de Bolo)), são exemplo disso sim rs rs rs

      Estou torcendo para que a série vá além dos clichês de séries adolescente e traga o universo adolescente real para a série. Cheio de incoerências, medos, vitórias e ao mesmo tempo beleza.

      Sou como você em relação ao material que tem saído, sabia? Ou seja, não sou aquela pessoa extremamente exigente que não consegue curtir as coisas porque em tudo vê problemas. Defensores eu gostei. É claro que tem uma ou outra coisa aqui e ali que poderia ser melhor, mas poxa... deu pra se divertir sim. Inumanos e Legião eu ainda quero ver!!

      Valeu amigo! Não deixe de aparecer pois sinto falta dessas conversas com os amigos aqui do Blog!!

      Marcelo

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados