quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Realidades Infinitas - Parte 02: Um Passo Além (One Step Beyond)


No mesmo ano (1959) em que Além da Imaginação (Twilight Zone) era lançada, outra série semalhante chegava à TV: Um Passo Além (One Step Beyond). Criada pelo escritor e produtor Merwin Gerard, a série era narrada pelo ator, cineasta, cenógrafo e produtor norte-americano John Newland. Apesar de terem sido lançadas no mesmo ano, Um Passo Além se afastava um pouco de Além da Imaginação à medida em que procurava abordar fenômenos espirituais e psíquicos. Esta temática, inclusive, fez com que grande parte do público acolhesse bem o programa, enquanto outra parte chegou a acusar John Newland de anti-Cristo por seu programa tratar de coisas paranormais e ditas "do diabo". Um Passo Além trouxe para o debate público questões como projeção astral, premonições e contatos com pessoas que já morreram.

John Newland

Os episódios de Um Passo Além adaptavam relatos de acontecimentos paranormais antigos e atuais, o que a colocava como uma série baseada em fatos. Ao final de cada episódio não havia uma conclusão acerca do que o público deveria ou não acreditar, mas sim o levantamento de questionamentos cujo objetivo era justamente proporcionar um debate acerca das questões envolvidas. Rod Serling, criador de Além da Imaginação (Twilight Zone), chegou inclusive, a ligar para Newland na época para garantir que seu programa não entraria em conflito com Um Passo Além, já que Twilight Zone possuía um catálogo de temas muito mais diversificado. À semelhança de outras séries de TV da época, Um Passo Além serviu de palco para diverso atores que viriam a se tornar grandes astros no futuro, dentre eles William Shatner (o eterno Capitão Kirk de Jornada Nas Estrelas), Elizabeth Montgomery (da Série A Feiticeirinha), Charles Bronson (Era Uma Vez no Oeste, Os Doze Condenados, Desejo de Matar), Warren Beatty (Bonnie and Clyde - Uma Rajada de Balas, O Céu Pode Esperar), entre outros atores que na época já eram consagrados, dentre eles  Christopher Lee e Joan Fontaine.

Acima da esquerda para direita: William Shatner, Elizabeth Montgomery, Charles Bronson, Warren Beatty, Christopher Lee, Joan Fontaine

Um Passo Além contou com 03 temporadas com 96 episódios ao todo. No Brasil temos lançada apenas a primeira temporada pela Distribuidora Vinyx Multimídia, porém mesmo lá fora a série não contou com o mesmo tratamento que Twilight Zone no que se refere ao lançamento de suas temporadas devido a questões de direitos autorais.

1ª Temporada de Um Passo Além lançada no Brasil

Um Passo Além: 03 Temporadas
Período de Produção: 1959 - 1961
1ª Temporada 22 episódios
2ª Temporada 39 episódios
3ª Temporada 36 episódios

Na 3ª Temporada foi apresentado um episódio (The Sacred Mushroom) no qual o próprio apresentador foi submetido à uma experiência ao vivo. Foi o único episódio deste tipo da série. Nele, John Newland ingeriu diante de uma equipe de cientistas (Dra. Barbara Brown, neurofarmacologista, David Grey, líder espiritual havaiano, Dr. Jeffrey Smith, professor de filosofia de Stanford e o Dr. Andrija Puharich, oficial militar que tinha interesse nas pesquisas relacionadas à parapsicologia) cogumelos alucinógenos. A proposta era medir o efeito psíquico, espiritual ou qualquer experiência extra-sensorial induzida pelo cogumelo. O patrocinador do programa (Alcoa) só consentiu com o episódio caso as filmagens fossem alteradas do México para um laboratório, onde seria tradado como experiência cientifica. Embora a experiência não tenha revelado nenhum evento psíquico, o apresentador relatou que ficou tendo alucinações por 1 mês.

Em 1978 John Newland tentou reviver o programa produzindo 25 episódios, 14 dos quais eram remakes. A nova versão chamava-se The Next Step Beyond. Em função da ausência do forte patrocínio da Alcoa, com o qual a primeira versão contou, e ausência de astros nos episódios a nova versão não decolou, sendo rapidamente cancelada.


De qualquer forma Um Passo Além faz parte de um conjunto de séries que introduziu temas extremamente interessantes e fora dos costumeiros assuntos tratados na TV. Uma obra que todo amante da ficção, fantasia e do sobrenatural deve conhecer.

Não perca a próxima matéria sobre outra série imprescindível: A Quinta Dimensão (The Outer Limits)!!

2 comentários:

  1. D+
    Meu pai sempre fala dos seriados na época dele
    e como eram maravilhosos.
    Tenho curiosidade de saber.
    Puxa deve ter sido uma experiência e tanto para o apresentador.
    A substância fica na corrente sanguínea por um tempo né?
    Muito legal te ler
    Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria Fernanda

      Sempre bom encontrar seus comentários aqui. Sabia!?

      Sim. Este episódio que vc comenta foi muito assistido na época. Séries assim tem também toda uma ambientação que me atrai como um interesse histórico. Era uma forma de ver as coisas na época.

      Abração!

      Marcelo

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados