sábado, 27 de janeiro de 2018

Miniatura DC Série Especial Nº 13 - Trigon

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

Trigon, o Terrível, talvez possa ser considerado a versão da DC do Mefisto da Marvel. Embora Mefisto tenha uma abrangência muito maior dentro da mitologia Marvel, Trigon tem suas história circunscritas dentro da Mitologia da equipe dos Novos Titãs (Asa Noturna, Estelar, Ravena, Ciborg, Moça-Maravilha e Mutano). Afora este detalhe, poderíamos dizer que suas aspirações, selvageria e brutalidade são até maiores que as em geral apresentadas por Mefisto, que aparece muito mais como um maligno estrategista. Todo panteão possui seus monstros e seres abissais, e Trigon é, sem dúvida um dos representantes desta estirpe dentro do panteão DC. A origem do personagem envolve um tempo além do tempo, e suas ações provaram o quão demoníaco ele é. Prepare-se para mergulhar no universo abissal de Trigon, o Terrível.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

A miniatura de Trigon saiu dentro do Segmento Especial de Miniaturas da Coleção de Miniaturas DC da Eaglemoss por ele ser de maior estatura relação aos humanos em geral. Ao vivo, a peça é imponente e assustadora. Uma estatueta para se deixar em cantos mais distantes de nossas vistas por evocar calafrios. Isso já mostra que sua concepção e modelagem são boas. Todo arcabouço muscular está muito bem delimitado, e os detalhes tais como, braceletes, ondulações dos tecidos, cajado, estandarte e delimitação da pintura estão à contento em minha opinião. A capa está inserida posteriormente em uma estrutura com raias que lembram os ossos de um animal marinho. Em minha opinião este detalhe da arte conceitual de Trigon não é tão adequado por parecer destoar um pouco das origens infernais atribuídas à ele. Mas isto é algo a ser colocado na conta de seus criadores, Marv Wolfman e George Pérez.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

Outro ponto que me incomoda um pouco na arte conceitual do personagem são as cores usadas. Para mim o branco interposto ao vermelho de sua cor de pele não se alinha tão bem com as percepções de seres infernais sobre as quais nosso imaginário coletivo foi construído. Mas é minha opinião claro. Em contraponto à essas questões que coloquei porém, a face do personagem é realmente assustadora. Quando seus criadores (Wolfman e Pérez) conceberam seu rosto com um 2º par de olhos sobrepostos aos olhos naturais, conseguiram um efeito incrivelmente bizarro. Isso porque se você se concentrar no par de olhos naturais (logo acima do nariz) você fica com a impressão de estar sendo observado por um segundo par logo acima, e vice-versa. Parte da percepção assustadora que comentei no início da matéria se deve à isso. Não posso deixar de mencionar o material (resina) do qual a peça foi confeccionada. Apesar da imensa polêmica que a mudança do material das peças gerou (de metal para resina) há algum tempo atrás, posso dizer que pelo menos à distância a miniatura é bem adequada. Só mesmo quando a pegamos em mãos é que percebemos sua leveza e isso, na maioria das vezes, causa um certo anticlímax.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

A origem de Trigon está intimamente ligada à um grupo de sacerdotes e sacerdotisas pacifistas seguidores de Azur que viveram em um passado imemorial. Após atingirem um determinado nível de consciência, este grupo conseguiu transcender sua humanidade e purgar todo o mal de suas almas, ascendendo à uma outra dimensão. Este "mal" imanente, deixado para trás, vagou como uma forma de energia através do universo, tempo e espaço, adquirindo com as Eras uma consciência própria e se materializando em Trigon. Os atos hediondos e genocidas de Trigon já ocorreram em sua infância, quando exterminou um Planeta inteiro na dimensão habitada por ele. Não tardou para Trigon ser o senhor absoluto da dimensão na qual nascera, com milhões de mundos subjugados. Sua história com nossa dimensão começou quando nasceu dentro dele a vontade de gerar um herdeiro. Apesar de conseguir seu intento várias vezes, todos seus rebentos eram em algum momento mortos pelos seus inimigos, por isso seu plano se concentrou em gerar um novo herdeiro que fosse criado nas fronteiras de sua dimensão com uma outra, ou seja, a nossa. Assim, ele preservaria sua cria até a idade adulta longe de perigos letais.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

Trigon se infiltrou em nosso plano existencial e seduziu uma jovem chamada Angela Roth ao melhor estilo O Bebê de Rosemary. Angela descobriu depois quem aquele jovem bonito (o disfarce de Trigon) era, porém ela já carregava uma criança dentro de si. Angela fugiu e até pensou em se matar, o que não aconteceu graças à intervenção de um misterioso estranho que conseguiu convence-la a segui-lo para sua dimensão, a dimensão onde habitava os seguidores de Azur, aquela ordem pacifista que ascendeu e por isso era, em parte, responsável pela criação de Trigon. Na nova dimensão e no Templo de Azurath, Angela recebeu um novo nome, Arella e, meses depois nasceu uma menina a que chamaram Ravena. Ravena cresceu à luz da orientação de bondade e paz de Azur, mas dentro da menina existia uma sombra, sua herança demoníaca vinda de Trigon. A jovem tornou-se uma metáfora para a eterna batalha entre nossa natureza caída e o potencial de bondade que todo ser humano encerra dentro de si.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

No tempo em que a jovem Ravena esteve na dimensão de Azurath, Trigon a manteve sob observação sabendo que lá ela estaria a salvo de seus inimigos e que, no momento certo a jovem seria despertada para todo seu potencial maligno como sua herdeira. Quando atingiu maturidade suficiente Trigon confrontou Ravena expondo à ela toda sua herança. Sabendo que teria poder para conquistar todo o Cosmo ao lado da filha, Trigon começou seu plano de expansão voltando seus olhos para a Terra. A jovem mística Ravena, possivelmente movida por sua educação e princípios de bondade com os quais crescera, contatou em sonhos uma nova cepa de jovens heróis com os quais se identificou (Robin (futuro Asa Noturna), Moça-Maravilha, Kid Flash (o futuro Flash Wally West)), instigando-os em suas mentes a formarem uma nova versão da extinta Turma Titã. Assim, acompanhados de Estelar, Mutano e Ciborg, nasceram os Novos Titãs com o intuito de fazerem frente à Trigon.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

Muitos foram os confrontos entre Os Novos Titãs e Trigon, com Ravena sempre resistindo à sua contraparte interior sombria. Em determinados confrontos a jovem chegou até a sucumbir a este lado negro, transformando-se na perfeita herdeira de Trigon, inclusive ferindo grandemente seus colegas de equipe. Mas mesmo nesses momentos de trevas, nenhum deles a abandonou. Ravena chegou até a perecer sob o domínio do pai, para ressurgir com pleno controle de seu lado negro, o que ajudou os Novos Titãs a rechaçar Trigon em várias ocasiões. Para Ravena, o controle sobre seu lado obscuro deve ser constante, pois ele ainda vive latente. Para Trigon, no entanto nunca houve descanso em sua empreitada de dominação do Cosmo. Isto explica sua obsessão em possuir herdeiros, fato que concretizou ao longo dos anos ao produzir uma casta de herdeiros que representassem, cada um, os 07 pecados capitais. Batalhas sucessivas deixaram Trigon esgotado com o tempo e, atualmente, ele vive em sua dimensão amealhando forças para um dia dominar todas as coisas.

Miniatura DC Especial Nº 13 - Trigon

Trigon figura entre as grandes entidades malignas do Universo DC, dividindo sua fama ao lado de Negal (do Mundo das Sombras - Senhor dos Auto desprezíveis), Asmodel (Anjo caído do Inferno), Nekron (Senhor dos Mortos-Vivos) e  Belial (Arquiduque do Inferno). Bom amigo... Este foi Trigon, personagem importante e com potencial para avançar suas histórias para outros domínios do Universo DC que não sejam apenas aqueles relacionados aos Novos Titãs. É esperar para ver!

8 comentários:

  1. Olá Marcelo Espero que esteja bem,

    Cara como sou fã das suas matérias, não me canso de elogiar.

    Esta miniatura ainda não possuo, além dela também não adquiri a do Etrigan, não conheço os personagens e sinceramente achei eles meio bizarros, só comprarei qualquer um dos dois por menos de R$ 50,00, este Trigon em metal de ate ser legal pelo tamanho da peça, mas sinceramente o Etrigan poderia ser uma regular Fácil Facil.

    Com relação ao personagem, vou ser sincero tenho muita dificuldade em entender a cronologia da DC, acho tudo muito conturbado, muita viagem de mistura de Deuses / Demônios com coisas cósmicas. e me parecem muitas coisas repetidas a única coisa que achei interessante é ele ser o pai da Ravena, fora isto passaria direto sem nem ver. Ainda bem que suas matérias são muito completas e interessantes, pois sem elas muita gente aí me passaria despercebida.

    Mas mesmo sem conhecer ou ate mesmo sem gostar de alguns personagens admiro a coleção e espero que venham muitos outros, pois assim existe a possibilidade de conhecer um pouco mais destes personagens de segundo e terceiro escalão, pois temos sidos submetidos a uma enxurrada de coleções e são todas repetidas com os personagens mais conhecidos do publico geral (Eagleamoss mesmo esta com uma quatro coleções).
    Enfim Vida longa às coleções e ao seunBlog.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Wellington!!

      Cara... Quero me desculpar pela demora em responder. Como você já deve saber estou com filho pequeno e as coisas tem ficado corridas!! Daí minha demora em responder. Por isso peço mil desculpas por demorar tanto tempo em responder sua mensagem acima.

      Agradeço muito a presença e fico muito feliz que goste do Blog e das matérias. Feliz mesmo!!!

      O Trigon é de resina. Se fosse de metal seria uma peça e tanto, com certeza! O Etrigan eu concordo que poderia muito bem estar entre as regulares com toda certeza. Concordo que são bem bizarros mesmo Wellington. Entre os dois acho o Trigon mais bizarro ainda.

      A mitologia de muitos personagens acabaram sofrendo muito com as influências de cada época. E cada editora entendeu as mudanças de sua época de uma forma diferente. Isso sem falar das visões pessoais de cada roteirista. No final alguns personagens possuem cronologias incrivelmente complexas e por vezes surreais. Até mesmo para personagens fictícios. Fico contente que as matérias tenham ajudado.

      Concordo também com você em relação à personagens repetidos em coleções. Por isso que acho esta coleção de Metal/Resina da DC da Eaglemoss uma coleção bem completa pois contempla personagens que são completamente desconhecidos do grande público. E é a oportunidade dos fãs terem esses personagens do 2º e 3º escalão.

      Valeu mesmo Wellington. E novamente desculpe pela demora. Não deixe de comentar por causa de minha demora. Pode ter certeza que procurarei não demorar mais para responder.

      Forte abraço!

      Marcelo

      Excluir
    2. Sem problemas Marcelo a correria do cotidiano já esta terrivel, com criança pequena então me admiro você conseguir realizar matérias tão complexas e bem redigidas.

      E não se preocupe, sempre farei meus humildes comentários.

      Abraços.

      Excluir
    3. Valeu Wellington!

      Apareça sempre e não deixe de comentar.

      Forte abraço e obrigado pela amizade!!

      Marcelo

      Excluir
  2. Nossa você parece uma fonte inesgotável quando escreve. São portas de espantosos conteúdos de um capaz colecionador.
    Essa estatua tem uma intensidade nossa!
    E nessa minuciosa narrativa o que me ocorre? É que aproxima o homem do inimaginável. E fala de um paradigma associado a esse "Trigon" que infelizmente é influente no mundo.

    Obrigada por mais essa interessante leitura Marcelo.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Fernanda...

      Puxa... Que elogio mais legal você fez!! "...portas de espantosos conteúdos de um capaz colecionador...".

      Gostei muito! Peço desculpas pela demora em te responder aqui. Sério mesmo. Não é descaso. É a correria com o filho pequeno... rs rs

      Agradeço muito seu comentário e associação que faz com o mundo. Tem toda razão. Por vezes parece que sofremos uma influência externa de forças com as quais nem imaginamos. Tanto para o bem quanto para o mal. Tem toda razão.

      Maria Fernanda... Muito obrigado por passar por aqui. Fico muito contente.

      Forte abraço!

      Marcelo

      Excluir
  3. Ótima matéria. Só dois detalhes: no texto está Azar, quando o correto seria Azur. E a meu ver, Neron está mais para Mefisto do que Trigon. Neron é o demônio sedutor e colecionador de almas (assim como Mefisto). Trigon também é sedutor quando lhe convém (como no caso de Arella), mas sua especialidade é a força bruta e a guerra. Ele para mim, depois do arco de despedida de Geoge Pérez da primeira fase dos Novos Titãs e da conquista de Nova York, se mostrou mais ameaçador do que Darkseid.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Filipe...

      Muito obrigado pela presença e contribuições ao blog. Agradeço muito!!

      Legal sua percepção do Trigon... Um personagem que pode ser tão poderoso e ameaçador quanto Darkseid.

      Pode deixar que farei as alterações.

      Forte abraço!

      Marcelo

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts Relacionados